terça-feira, 25 de novembro de 2008

Li em um sonho...


"Todo marxista quer se reconhecer no seu trabalho. Prefiro me reconhecer no contracheque"

2 comentários:

Anônimo disse...

Que estranho.
Quando vi no primeiro dia esse "post" comecei a contar as horas para apacecerem os marxistas de plantão, xingando, desdenhando, ou até com argumentos muito inteligentes do tipo: "tu não entendeu nada" ou "tem uma mente fechada às idéis corretas"
Não apareceu ninguém. Devem ter levado na esportiva dessa vez?

Jr Grings disse...

Leandro, alguns comentários (todos os dois) tiveram que ser boicotados pela censura do Capeta por agredirem a educação.